piemonte fm

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

O duvidoso pelo certo

Postado por Tião Lucena, 12 de Novembro de 2014 às 12:54


Um político troca a carreira por um cargo vitalício. Esse filme já vi várias vezes e o seu enredo é simples: quem age assim estava na política para se arrumar, jamais movido pelo sentimento cívico de servir a pátria e aos patrícios.
O senador Vital do Rego não é o primeiro nem será o último a buscar vantagem através do mandato. Aqui na Paraíba já tivemos o conterrâneo Nominando que deixou a política para ser conselheiro, embora continue interferindo na política de Princesa, dando pitacos, sugerindo alianças e indicando candidatos. A última dele, lembro demais, foi quando, ainda aliado de Ricardo Coutinho, pediu para o governador exonerar pessoas em cargos comissionados na terrinha para substitui-las por aliados seus.
Tempos depois, como sabe a Paraíba, o grupo dele traiu o governador, que voltou aos braços dos que outrora sua caneta demitira e ganhou a eleição em Princesa. Nos dois turnos.
Vital ficará no TCU até completar 70 anos. Como é um sujeito de boa saúde, ainda terá gás para retornar à política, talvez sem o prestígio de hoje, já que o eleitorado é dinâmico igual a atividade política e os eleitores do amanhã não se acharão obrigados a conhece-lo e sufraga-lo.
Mas vale o emprego. Quem disser que não quer ser ministro do TCU estará mentindo. Ou então será doido varrido, tipo aquele que rasga dinheiro e come bosta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário