piemonte fm

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Raposa vence o Galo por 2 a 0 no 'Clássico dos Maiorais', e segue invicta no Estadual

Já em vantagem no placar, o Campinense trilhou o caminho da vitória com mais tranquilidade após expulsão de atleta adversário, chegando aos 13 pontos e se isolando ainda mais na liderança do Grupo A

Paraibano | Em 21/02/16 às 14h29, atualizado em 21/02/16 às 18h32 | Por Redação
Raniery Soares/Correio Imagem
Raposa superou o rival e segue invicta
Treze e Campinense protagonizaram, neste domingo (21), mais uma edição do ‘Clássico dos Maiorais’, em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Paraibano de 2016, no estádio Amigão, em Campina Grande. Com um jogador expulso ainda no primeiro tempo, o Galo não conseguiu se fechar na defesa e viu a Raposa vencer por 2 a 0 e se manter invicta na competição, chegando aos 13 pontos no Grupo A. Veja a tabela de classificação do Paraibano 2016.



Como já era de se esperar, diante da intensa rivalidade entre as equipes, o jogo se iniciou bastante truncado, com marcação apertada. A primeira boa jogada ocorreu aos 13 minutos, quando Roger Gaúcho, da Raposa, driblou a marcação e lançou a bola para Rodrigão, que recebeu na área e bateu de primeira, mas para fora. Esse foi o ensaio do que aconteceria aos 24 minutos: Roger Gaúcho cruzou a bola na área em cobrança de falta do lado esquerdo do campo. No lance, Joécio desviou de leve e Rodrigão apareceu para mandar a bola para as redes, abrindo o placar para o rubro-negro.

A partir de então, o Treze teve mais posse de bola e tentou pressionar o adversário, que se fechava bem na defesa. Mas, aos 38 minutos, a possibilidade de reverter o placar desfavorável ficou mais difícil para o galo. Glaubinho deu um carrinho por trás em Roger Gaúcho, recebendo o segundo cartão amarelo e sendo expulso da partida. 

O segundo tempo começou com um ritmo mais lento. Os times erravam muitos passes e não conseguiam concretizar boas jogadas. Com um a mais em campo, o Campinense controlava melhor as ações do jogo, enquanto o Treze tentava ficar mais tempo com a bola.

Com placar favorável e em vantagem numérica de jogadores, a Raposa soube se aproveitar do bom momento para ampliar a diferença e garantir a vitória. Após cobrança de escanteio pela esquerda, a bola chegou para Rodrigão, que se abaixou e, de cabeça, mandou para as redes, dando números finais para o confronto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário