piemonte fm

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Ciclone Winston deixa pelo menos 5 mortos em Fiji


Tormenta tem ventos de 230 km/h e rajadas de 325 km/h.
Governo declarou toque de recolher e estado de desastre natural no país.

Da EFE
Família vasculha através de restos de sua casa após tormenta atingir Fiji (Foto:  Ali Naziah / Revista Life / via AFP Photo)Família vasculha através de restos de sua casa após tormenta atingir Fiji (Foto: Ali Naziah / Revista Life / via AFP Photo)
O ciclone Winston, que chegou neste sábado (20) a Fiji, com ventos de 230 km/h e rajadas de 325 km/h, causou pelo menos cinco mortes e muita destruição nas ilhas do Pacífico sul, habitado por cerca de 881 mil pessoas.
O primeiro-ministro de Fiji, Frank Bainimarama, confirmou neste domingo (21) as cinco vítimas, segundo o jornal neozelandês "New Zealand Herald", enquanto as autoridades trabalham em proporcionar abrigo, água e serviços de saúde aos afetados.
A primeira vítima foi idoso, que morreu após um telhado cair sobre ele na ilha de Koro.
Ciclone derrubou árvores em todo o país (Foto: Unicef Pacific / via AFP Photo)Ciclone derrubou árvores em todo o país (Foto: Unicef Pacific / via AFP Photo)
"A proporção da destruição é absolutamente em massa e é muito cedo ainda para dizer quantos casas foram destruídas pela tempestade", disse Susan Slattery, da Cruz Vermelha Australiana, ao meio australiano "9News", em Suva, capital do país.
Centenas de pessoas estão sem serviço de água potável nas áreas de Suva, cidade onde vivem cerca de 74.500 pessoas, e Nasinu, uma área urbana a nordeste da capital com cerca de 50.200 moradores.
Mãe segura uma criança enquanto olha para destroços de uma casa (Foto: Ali Naziah / Revista Life / via AFP Photo )Mãe segura uma criança enquanto olha para destroços de uma casa (Foto: Ali Naziah / Revista Life / via AFP Photo )
A Autoridade de Água fijiana informou aos desabrigados que "o restabelecimento do serviço de água demorará pelo menos uma semana", enquanto que afirmou que há várias cidades do país das quais ainda não sabe nada sobre os estragos causados nelas pelo ciclone, segundo o jornal local "The Fiji Times".
O governo declarou toque de recolher e o estado de desastre natural em todo o país antes que o Winston chegasse a seu território pelo leste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário