piemonte fm

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Presa a suspeita de agredir e cortar cabelo de mulher com faca na Grande João Pessoa


Reprodução
Mulher teve cabelo cortado com faca
A Polícia Civil prendeu, nessa segunda-feira (15), segundo identificação revelada pela Secretaria de Comunicação do Estado, Nedilane Virgolino de Freitas, de 22 anos. Ela é suspeita de agredir uma mulher em uma praça na cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa, no mês de janeiro deste ano. O caso ganhou repercussão após um vídeo com a ocorrência circular nas redes sociais. A gravação mostrava a vítima sendo dominada por duas mulheres. As imagens ganharam repercussão nacional e chocaram porque, além de apanhar, a agredida ainda teve os cabelos cortados com uma faca. 



De acordo com o delegado titular de Cabedelo, Ademir Fernandes, assim que a Polícia Civil recebeu as imagens, as mulheres foram identificadas e foram pedidos à Justiça os mandados de prisão temporária contra as duas. 

Nedilane Virgolino se apresentou na delegacia acompanhada do advogado nessa segunda. “Nedilane é a mulher que aparece no vídeo cortando o cabelo com a faca. A suspeita resolveu se apresentar após a prisão da cúmplice, conhecida por Cleide Morena, há uma semana, no conjunto Mangabeira, na Capital”, disse o delegado Ademir Fernandes, responsável pelas investigações. 

Além das agressões consideradas como tortura, o inquérito policial investiga um possível envolvimento no caso de presidiários e adolescentes, suspeitos de participarem de um grupo criminoso na cidade. Nedilane foi ouvida e encaminhada para o Presídio Feminino Júlia Maranhão, onde vai aguardar junto com a outra suspeita do crime pela sentença da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário