piemonte fm

terça-feira, 16 de junho de 2015

Dirigente do Bota-PB explica atraso e parabeniza a Raposa por "jogo sério"

Zezinho Botafogo disse que Belo voltou para os vestiários para cumprir um acordo da FPF e aproveitou para destacar o profissionalismo do Campinense na rodada final

Por João Pessoa
Zezinho Botafogo, vice-presidente de futebol do Botafogo-PB (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)Zezinho Botafogo, vice-presidente de futebol do Botafogo-PB (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com/pb)
A última rodada do Campeonato Paraibano foi cercada de expectativas. Com o título do Campinense já assegurado por antecipação, a luta de Botafogo-PB, Treze e Auto Esporte era para saber quem ficaria com o vice-campeonato - e com as vagas na Copa do Brasil e Copa do Nordeste. Com a vitória de 3 a 1 sobre o Auto Esporte e com a derrota do Galo, o Belo acabou garantindo o segundo lugar.
O vice-presidente de futebol Zezinho Botafogo fez questão de ressaltar o profissionalismo do Campinense em bater o rival. O dirigente lembrou que nos últimos dias se falou em uma suposta facilitação por parte da Raposa em represália ao Botafogo.
- Quero parabenizar a equipe do Campinense, que foi o legítimo campeão paraibano e soube honrar a sua camisa nessa última partida. Tinha muita gente falando em marmelada, em entrega de jogo, e o Campinense mostrou que isso não existe no futebol paraibano. Fizeram um jogo sério contra o Treze e acabou nos dando a possibilidade de ser vice-campeões - frisou Zezinho.
 O dirigente também falou sobre o atraso de 20 minutos nas duas partidas. Os jogadores do Botafogo-PB chegaram a voltar para os vestiários por ordem da diretoria, já que a partida em Campina Grande também estava atrasada.
- Na verdade, a Federação já havia definido que as duas partidas começariam ao mesmo tempo. Só fizemos por onde cumprir o combinado. Como o Treze ainda não havia entrado em campo no Amigão, decidimos mandar os jogadores de volta para os vestiários.
No fim, Zezinho ainda fez um balanço da participação do Botafogo. Ele chegou a pedir desculpas ao torcedor pela perda do tricampeonato, mas lembrou que o grande objetivo do ano continua vivo: o acesso para a Série B.
- Gostaria de pedir desculpas à torcida por não conseguirmos esse tricampeonato. Infelizmente não deu, mesmo com todo o investimento feito. O time acabou não encaixando, como aconteceu com o Campinense. Mas ainda temos todo o semestre pela frente para perseguir um outro sonho, que é o acesso na Série C - finalizou o vice-presidente de futebol botafoguense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário