piemonte fm

terça-feira, 12 de maio de 2015

Com celular, preso grava espancamento de detento em presídio da Paraíba

Fato foi registrado na semana passada no Presídio Romero Nóbrega, em Patos, e a direção da unidade admitiu que o celular que filmou a agressão entrou de forma ilegal na penitenciária

Polícia | Em 11/05/15 às 22h33, atualizado em 12/05/15 às 07h05 | Por Redação
Reprodução
Vídeo foi gravado com celular
Um vídeo gravado do celular de um preso flagrou o momento em que o detento Lázaro Pereira de Oliveira é espancado por outros colegas de cela. O jovem agredido foi preso em março deste ano, suspeito de matar o taxista Thiago Torres de Freitas, de 21 anos, na cidade de Patos, a 320 km de João Pessoa, no Sertão do estado. O fato foi registrado na semana passada no presídio Romero Nóbrega. As imagens foram divulgadas, com exclusividade, no programa Cidade Alerta Paraíba, TV Correio HD.



A filmagem foi repassada pelo WhatsApp e mostra quando Lázaro Pereira (foto) é espancado a pauladas e chutes. Na gravação, os detentos aparecem agredindo o jovem e um deles fala que é para “vingar a morte do taxista”.

O diretor do presídio, José Neto, confirmou a agressão. Ele falou que Lázaro Pereira está bem e não precisou ser levado para o hospital. Neto afirmou que uma sindicância vai apurar o crime. 

Segundo ele, os presos identificados serão punidos e vão responder criminalmente pela agressão.

O diretor falou ainda que é feita vistoria semanalmente no presídio para evitar a entrada de celulares na unidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário