piemonte fm

domingo, 5 de abril de 2015

Homem morre após ser esfaqueado e queimado ainda vivo no Sertão da PB

Mesmo com o corpo queimado e com cerca de duas perfurações de faca, o homem ainda conseguiu falar o nome do suspeito do crime aos policiais; crimes também ocorreram em Araruna e em JP

Polícia | Em 05/04/15 às 10h26, atualizado em 05/04/15 às 11h06 | Por Redação
Reprodução/Blog do Angelo Lima
Policiais durante ação no local do crime
Um homem de 32 anos foi esfaqueado e queimado ainda vivo dentro da casa onde residia, na Rua São Sebastião, no Centro da cidade de Cajazeiras, no Sertão, a 468 km de João Pessoa, na noite desse sábado (4).



Segundo informações da Polícia Militar, os vizinhos ouviram gritos e pedidos de socorro. Eles também teriam percebido um cheiro de fumaça. Eles acionaram a PM e o Corpo de Bombeiros para averiguar a situação.

Uma guarnição chegou ao local para atender a ocorrência. Quando os odiciais entraram na casa, encontraram a vítima em chamas. Os militares jogaram água para apagar o fogo.

Mesmo com grande parte do corpo queimado e com cerca de duas perfurações de faca, o homem ainda conseguiu falar o nome do suspeito do crime aos policiais.
Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ainda o socorreu para o Hospital Regional de Cajazeiras, mas ele morreu minutos depois de dar entrada na unidade de saúde.

A Polícia Civil esteve no local do crime, assim como peritos do Instituto de Polícia Científica. O corpo foi encaminhado para a cidade de Patos, onde seria necropsiado.

A vítima trabalhava em uma madeireira e morava com a mãe, que estaria viajando. A partir da denúncia, a polícia passou a realizar diligências para prender o suspeito, que ainda não havia sido localizado.
Homicídio em Araruna

Durante uma festa religiosa referente ao Sábado de Aleluia, celebração da Igreja Católica, um jovem de 24 anos foi assassinado e um adolescente de 16 anos foi baleado na Praça João Pessoa, Centro do município de Araruna, no Agreste da Paraíba, a 165 km da Capital.

O crime ocorreu às 23h30 desse sábado. Segundo o sargento Pedro, da Companhia da PM local, quatro pessoas teriam chegado à praça em um carro Volkswagen Gol. Eles teriam seguido a vítima fatal, que vinha em outro carro. Eles desceram do veículo e começaram a atirar, provocando correria no local.

O jovem foi baleado no tórax, nas proximidades do pescoço. Ele ainda correu, atravessando uma rua, mas não resistiu ao ferimento e morreu em via pública. Segundo a PM, ele teria envolvimento com tráfico de drogas e o homicídio é investigado como acerto de contas.

No tiroteio, uma bala perdida atingiu um adolescente, na região da cintura. Ele foi socorrido pela PM para o Hospital Maria Júlia Maranhão, na cidade, e depois foi transferido para Campina Grande. O estado de saúde dele não foi divulgado.

Com o ocorrido, a festa que acontecia no local foi imediatamente cancelada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário