piemonte fm

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Travestil é achado morto com marcas de tiros em canavial na Zona da Mata

Cerca de cinco disparos de arma de fogo teriam sido efetuados; funcionário de destilaria alertou a PM, que localizou a vítima já sem vida e sem documentos de identificação
Polícia | Em 09/07/14 às 23h26, atualizado em 10/07/14 às 08h39 | Por Gustavo Medeiros
Portal Correio
Local onde o corpo foi encontrado
Um travesti foi assassinado no município de Caaporã, na Região Metropolitana de João Pessoa, na noite desta quarta-feira (9). Outros homicídios foram registrados na mesma noite, em poucas horas, inclusive a morte de uma grávida.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo informações do Soldado Gleibson Irineu, da 1ª Companhia Independente da Polícia Militar de Alhandra, um segurança de uma destilaria de bebidas teria ouvido cerca de cinco disparos e notado uma movimentação estranha de um veículo nas proximidades. “Ele solicitou a presença da polícia e relatou ter visto um automóvel Fiat Uno Vivace passando em grande velocidade nas proximidades de seu ambiente de trabalho após a ocorrência dos tiros”, disse o soldado.

Uma guarnição de Caaporã foi ao local, conhecido como Sapucaia, e iniciou as buscas. Dentro de um canavial foi encontrado o corpo. "Ele estava vestido com minissaia e calcinha, sem qualquer documento de identificação", afirmou Irineu. A polícia desconhece a vítima e ainda não tem informações se a mesma vivia na região de Caaporã.

Até o fim da noite desta quarta, a Polícia Militar estava aguardando a chegada de agentes do Instituto de Polícia Científica e do delegado plantonista do Conde. Após a perícia e os devidos registros o corpo seria encaminhado para a Gemol da Capital. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário