RADIO PIEMONTE FM

piemonte fm

sexta-feira, 11 de abril de 2014

'Foi fazer prova e voltou esfaqueado', diz mãe de ferido em escola na PB

Adolescente de 15 anos foi ferido na quarta (9), em escola de João Pessoa.
Vítima continua internada no hospital e passa bem, segundo mãe.

Do G1 PB
Comente agora
A mãe do adolescente de 15 anos esfaqueado pelo colega de 12 anos na entrada de uma escola pública em João Pessoa, na quarta-feira (9), pediu em entrevista a TV Cabo Branco que os órgãos competentes tomem providências para combater as violências nas escolas de João Pessoa. “Jamais eu imaginaria que meu filho vai para escola, fazer um ‘provão’, ia voltar esfaqueado entrado para assistir aula”, lamentou. 
A agressão foi registrada na manhã de quarta-feira (9), em um escola da rede estadual no bairro Funcionários III. Segundo informações da polícia, o adolescente foi ferido no abdômen com um punhal após uma discussão motivada por uma brincadeira com bolinha de papel. O estudante que agrediu teria jogado uma peteca no outro de 15 anos, que por sua vez, foi esfaqueado ao ir reclamar da brincadeira.
Ainda de acordo com a mãe do estudante apunhalado, o adolescente seria esfaqueado mais vezes se não tivesse segurado o agressor. “Ele está bem no momento, fez uma cirurgia na barriga. A punhalada perfurou um pouquinho do intestino dele. O meu filho falou que depois da primeira facada, se não tivessem tentado segurar, o menino ia dar outra”, comentou.
O período de internação do adolescente esfaqueado deve durar de sete a 15 dias, ainda segundo a mãe do adolescente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário