piemonte fm

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Com gol no fim Flamengo bate Emelec e pode ser primeiro na Libertadores

O Flamengo conseguiu uma vitória fundamental para a sequência na Copa Libertadores. Mesmo desfalcado e passando sufoco no segundo tempo, o Rubro-negro bateu o Emelec-EQU por 2 a 1, nesta quarta-feira, em Guayaquil, e chegou aos sete pontos no grupo 7 do torneio continental. Os gols de Alecsandro e Paulinho foram fundamentais para os cariocas evitarem a eliminação antecipada. Stracqualursi fez para os donos da casa.
Uma derrota tiraria a equipe da competição. Agora, basta uma vitória contra o León-MEX na última rodada para que os comandados de Jayme de Almeida confirmem a vaga nas oitavas de final. A certeza é a de que o Maracanã vai receber um grande público para apoiar o Flamengo em uma classificação que estava praticamente perdida.
ggdgd
O Rubro-negro entrou em campo com Alecsandro no lugar de Hernane. O camisa 9 não se recuperou das dores lombares e apenas assistiu ao confronto. Precisando ao menos do empate, o Flamengo contou com a ajuda do seu artilheiro na temporada para abrir o placar logo no início.
Aos 9min, Alecsandro marcou de pênalti após Nasuti cortar cruzamento com a mão dentro da área. O gol foi muito comemorado pelos jogadores e proporcionou tranquilidade diante de intensa pressão da torcida adversária.
O Emelec trocava passes para chegar ao gol defendido por Felipe pelas pontas. Escalado com Welinton na lateral direita por conta das lesões de Léo Moura e Leo, o sistema defensivo procurou simplificar e sair jogando com toques curtos.
O primeiro chute da equipe da casa apareceu aos 28min. Mondaini arriscou de fora da área e Felipe espalmou. Ao contrário do que se imaginou, os donos da casa não levaram perigo na primeira etapa. O Flamengo teve o controle do jogo e boa chance com Everton neutralizada por Dreer aos 41min.
O segundo tempo começou com um Emelec lançando-se mais ao ataque na busca pelo empate. A equipe equatoriana buscou o jogo pelo lado direito. Já o Flamengo assumiu a postura defensiva para tentar encaixar um contra-ataque.
Mas a defesa rubro-negra voltou a falhar. Aos 19min, Recife perdeu a bola e Welinton cometeu pênalti em Caicedo. Aos 20min, o atacante Stracqualursi cobrou forte e empatou a partida. O gol abalou o Flamengo, que passou a errar em sequência. A virada do time da casa parecia cada vez mais próxima.
O Rubro-negro conseguiu segurar o empate no sufoco e ainda arrancou a vitória aos 47min do segundo tempo. Negueba lançou e Paulinho chutou cruzado para levar a decisão da vaga nas oitavas de final para o Maracanã.
EMELEC-EQU 1 X 2 FLAMENGO
Local: Estádio George Capwell, em Guayaquil (Equador)
Árbitro: Julio Bascuñán-CHI
Assistentes: Francisco Mondria-CHI e Raúl Orellana-CHI
Cartões amarelos: Nasuti e Bolaños (Emelec-EQU); Wallace (Flamengo)
Gols: Alecsandro, aos 9min do primeiro tempo, Stracqualursi, aos 20min do segundo tempo, Paulinho, aos 47min do segundo tempo
EMELEC-EQU
Dreer; Narváez, Guaga, Nasuti e Bagui; Giménez (Charcopa), Quiñónez, Mena e Corozo (Caicedo); Mondaini (Bolaños) e Stracqualursi
Técnico: Gustavo Quinteros
FLAMENGO
Felipe; Welinton (Chicão), Wallace, Samir e João Paulo; Amaral, Muralha (Recife), Gabriel e Everton (Negueba); Paulinho e Alecsandro
Técnico: Jayme de Almeida
Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário