piemonte fm

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Câmeras começam a ser usadas para multar infratores de trânsito em João Pessoa

Segundo a Semob, a medida tem como base uma resolução do Contran, de junho de 2015, que regulamenta a fiscalização de trânsito por videomonitoramento, e deve melhorar a fluidez do tráfego em João Pessoa

Cidades | Em 01/02/16 às 07h11, atualizado em 01/02/16 às 07h11 | Por Redação
Divulgação/Secom-JP
Fiscalização será mais intensa em JP
A partir desta segunda-feira (1º) os condutores de João Pessoa vão poder ser multados através da fiscalização eletrônica feita pelas 43 câmeras de monitoramento da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob).

Leia também:

* Motoristas são flagrados fazendo fila dupla em locais proibidos em JP; Semob alerta;
* Câmeras gravam motoristas fechando passagens de pedestres em João Pessoa

Segundo a Semob, a medida tem como base uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), de junho de 2015, que regulamenta a fiscalização de trânsito por videomonitoramento, e deve melhorar a fluidez do tráfego em João Pessoa.


Com isso, condutores que desrespeitarem a faixa de pedestre, invadir a faixa exclusiva para ônibus, estacionarem em locais proibidos, principalmente em cima das calçadas, ou provocar filas duplas, além de usar aparelhos celulares enquanto dirigem, vão ser multados com base nas imagens das câmeras de monitoramento.

Ainda segundo a Semob, placas educativas vão sinalizar e informar os condutores a existência da fiscalização por câmeras na via. Além disso, uma campanha educativa será realizada pelo menos 15 dias antes que a medida passe a autuar, para orientar e informar a população sobre a nova forma de fiscalização.

Confira as vias monitoradas nesta primeira etapa:

Rua Maciel Pinheiro, no Varadouro; Avenida General Osório, próximo ao Terminal de Integração; Avenida Dom Pedro II, próximo ao Mercado Central; Praça João Pessoa; Avenida Cruz das Armas, próximo à Feira de Oitizeiro; e na Avenida Josefa Taveira, próximo ao Mercado Público de Mangabeira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário