piemonte fm

sábado, 5 de setembro de 2015

Ex-prefeito de Guarabira se diz decepcionado com deputado Manoel Júnior: “Faltou respeito!”


Ex-prefeito de Guarabira se diz decepcionado com deputado Manoel Júnior: “Faltou respeito!”
 O ex-prefeito de Guarabira Josa da Padaria (PSB) declarou durante entrevista no Brejo paraibano que se decepcionou com o deputado federal Manoel Júnior (PMDB-PB). Josa disse que o parlamentar não honrou compromissos de 2014, quando o apoiou durante as eleições no ano passado.

“Votei nele e digo a todos que me decepcionei. Acho que ele deveria ter tido mais respeito com os quase 2500 votos que teve em Guarabira, através de Josa e seus amigos”, declarou o ex-prefeito em entrevista na Rádio Rural de Guarabira.

Josa ainda revelou que foi atacado por membros do PMDB, seu ex-partido, devido ao apoio a Manoel. “Muitos militantes criticaram, fui vítima de ataque por conta do voto em Manoel Júnior e ele só não teve mais votos por que toda a militância o acusava de ser traidor por votar em Cássio Cunha Lima”, revelou. Segundo relatos do Nordeste 1, o ex-prefeito relatou que durante visita a Guarabira o deputado federal teve calorosa participação na convenção do PMDB e que Manoel foi acolhido pelo partido, mas sequer fez uma ligação para ele.

“Hoje Manoel Júnior faz oposição a Ricardo Coutinho (PSB), veio a Guarabira e não teve o respeito de dar uma ligação, foi acolhido por todo o PMDB de Guarabira, foi pra câmara discursar e dar entrevista como um dos expoentes do PMDB”, disse.

O ex-prefeito ainda opinou sobre a possibilidade de apoiar a candidatura do líder empresarial João Rafael no PMDB. Ele declarou que o partido foi feliz em convidar o empresário para compor, mas que deve haver reciprocidade apoiando o governador Ricardo Coutinho (PSB). Ele lembrou que o deputado estadual Raniery Paulino é o único peemedebista que não apoia Ricardo na Assembleia e que será mais fácil para a unificação das oposições se houver o entendimento entre o parlamentar e o Governo.

Josa complementou dizendo que o adversário dos Girassóis num primeiro momento não pode ser o PMDB e sim o prefeito Zenóbio Toscano (PSDB).


PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário