piemonte fm

terça-feira, 30 de junho de 2015

Se cuida, Chile! Argentina passeia contra o Paraguai e vai à decisão da Copa América

  • O papel de favorito sempre foi dela. Só faltava comprovar em campo. Nesta terça-feira, a Argentina enfim mostrou por que é apontada como principal candidata ao título da Copa América. Com um futebol envolvente e - finalmente - eficiente, os hermanos passearam contra o Paraguai em Concepción. A vitória por 6 a 1, com show do trio Messi, Di María e Pastore, garantiu a vaga na final da competição e manteve cada vez mais vivo o sonho de acabar com o jejum de 22 anos sem títulos. Em um só jogo, a equipe do técnico Gerardo Martino fez mais gols do que já tinha marcado em todo o torneio. O recado foi bem claro: se cuida, Chile! Leia mais.
  • DESTAQUEUMA ESCRITA CAIRÁ
    Com a vitória, a Argentina se classificou para a final e vai encarar o Chile, que busca a taça inédita, no próximo sábado, às 17h (de Brasília), em Santiago. Os hermanos tentam acabar com um jejum de 22 anos sem título e lutam pela 15ª taça da competição. O Paraguai vai disputar o terceiro lugar com o Peru, na sexta, às 20h30 (de Brasília), em Concepción.
  • DESTAQUETRIO INSPIRADO
    A goleada passou pelos pés de Messi, Pastore e Di María. O camisa 10 não marcou, mas fez lindas jogadas, anotou três assistências e foi considerado o melhor em campo. Pastore não ficou atrás: marcou o segundo e deu uma assistência. Já Di María deixou sua marca duas vezes na etapa final, cruzou para Agüero fazer o quinto de cabeça e voltou a ser heroi um ano depois de marcar o gol decisivo nas oitavas de final do Mundial contra a Suiça. Já Kun é o artilheiro do time na competição com três gols, mas não tem brilhado como os companheiros. Quem sabe na final...
  • DESTAQUEQUASE 7 X 1
    Os argentinos não perderam a chance de provocar o Brasil. Na véspera do primeiro de julho (01/07), os torcedores hermanos levaram um cartaz para lembrar a goleada alemã na semifinal da Copa do Mundo do ano passado. E por pouco não repetiram o 7 a 1, logo contra os algozes da Seleção no Chile.
  • DESTAQUELESÕES ATRAPALHAM O PARAGUAI
    Duas lesões ainda no primeiro tempo atrapalharam os planos do técnico Ramón Díaz na semifinal: Derlis González, o destaque do time contra o Brasil, e Roque Santa Cruz saíam antes do intervalo. Depois de eliminar a seleção de Dunga, o Paraguai foi castigado com uma goleada. Mas mostrou na competição que pode fazer uma campanha digna nas Eliminatórias, bem melhor do que a lanterna no torneio classificatório para a Copa do Brasil em 2014.
  • DESTAQUEPRIMEIRO TEMPO: PARAGUAI VIVO
    O roteiro parecia o mesmo da estreia. Com menos de 30 minutos, a Argentina vencia por 2 a 0. Duas assistências de Messi: Rojo abriu o placar após cruzamento e confusão na área, Pastore ampliou após belo passe do camisa 10. Dessa vez, o Paraguai acordou antes mesmo do intervalo, com o gol do palmeirense Barrios.
  • DESTAQUESEGUNDO TEMPO: PARAGUAI ABATIDO
    Mas os hermanos aprenderam a lição. Se no primeiro jogo permitiram o empate por 2 a 2, dessa vez souberam ouvir as ordens de Tata: matar o confronto quando fosse possível. Aproveitando as chances criadas, a Argentina marcou mais duas vezes logo no início do segundo tempo e não deu chances ao rival. Di María fez os dois gols, o segundo em jogada espetacular de Messi. Mesmo com menos posse de bola, o Paraguai não se entregou. Lutou até o fim e chegou a finalizar tanto quanto o rival (15 x 14), mas a qualidade técnica fez diferença. Agüero e Higuaín ainda fecharam a goleada no fim: 6 a 1 e baile de bola.

Nenhum comentário:

Postar um comentário