piemonte fm

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Padrasto suspeito de estuprar enteada é preso em praia de João Pessoa

Tenente-coronel Carlos Sena, comandante do 5º BPM, disse que o suspeito estava escondido em uma barraca temendo represália por parte de parentes e vizinhos

Polícia | Em 24/04/15 às 09h11, atualizado em 24/04/15 às 09h19 | Por Hyldo Pereira
Reprodução/Google Street View
Central de Polícia em João Pessoa
A Polícia Militar prendeu na noite dessa quinta-feira (23) um homem de 36 anos suspeito de ter estuprado uma criança de 9 anos, que é enteada dele. A prisão ocorreu na praia do Sol, no bairro de Valentina Figueiredo, em João Pessoa.
O tenente-coronel Carlos Sena, comandante do 5º BPM, explicou que os policiais chegaram até o suspeito depois de denúncias anônimas. Ele estava escondido em uma barraca temendo represália por parte de parentes e vizinhos. O suspeito negou o abuso.
De acordo com a delegada da Infância e Juventude, Andréia Melo, o caso foi denunciado pela mãe da vítima, uma jovem de 24 anos, depois que a filha relatou que o padrasto tentou manter relações sexuais com ela.
“A menina disse que o homem tentou duas vezes a penetração, mas como disse que estava doendo ele parou. Quando a mãe chegou em casa, a filha relatou o ocorrido e houve uma discussão seguida de agressão. Ficamos sabemos do ocorrido e desde a quarta estávamos a procura do homem”, falou a delegada.
O homem foi levado para a Central de Polícia Civil e será encaminhado para a Delegacia da Infância na manhã desta sexta-feira (24) onde será interrogado pela delegada Joana Darc. Ele vai ser autuado em flagrante. O exame sexológico teria confirmado os atos libidinosos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário