piemonte fm

terça-feira, 7 de abril de 2015

Homem se apresenta como pai de bebê achado em calçada na Paraíba

Ministério Público da Paraíba vai apurar se a paternidade é verídica.

Justiça aguarda contato da família biológica para decidir destino do bebê.

Do G1 PB
Um homem foi até o Centro de Apoio Operacional da Criança e do Adolescente (Caop) do Ministério Público da Paraíba e se apresentou como pai da criança que foi flagrada por câmeras de segurança sendo abandonada em uma calçada na cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa. Conforme documento apresentado pelo MP e reproduzido pela TV Cabo Branco, o suposto pai do menino encontrado na quarta-feira (1º) prestará informações para comprovar a paternidade.
O bebê recém-nascido foi encontrado abandonado em uma calçada na cidade de Cabedelo,  ainda com o cordão umbilical na rua Golfo Amundsen, no bairro de Intermares, conforme informações tenente Viviane Vieira, da 6ª Companhia Independente da Polícia Militar. À época, a criança foi atendida pelo Samu e levada para o Hospital Edson Ramalho, onde foi integrado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e posteriormente transferida para a Unidade de Cuidados Intermediários (UCI).
Ainda de acordo com o Ministério Público, haverá uma conversa com o suposto pai do bebê, pois caso não seja confirmada a paternidade, o bebê será encaminhado para adoção. Segundo dados do Conselho Tutelar de Cabedelo, mais de 300 casais se mostraram interessados em adotar o bebê.
O juiz da 1ª Vara da Infância e da Juventude, Adhailton Lacet Porto, avaliou que nesse caso a família biológica tem preferência para assumir a guarda da criança. “Caso a família seja localizada iremos identificar se essa criança pode ser reinserida, se ela está arrependida. Se não for possível, a criança será colocada em uma família substituta”, comentou. Cerca de 62 crianças e adolescentes esperam por adoção na Paraíba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário