piemonte fm

terça-feira, 31 de março de 2015

Previsão indica mais chuvas e motoristas devem ficar atentos para evitar acidentes

Desatenção dos condutores em respeitar as condições da pista é uma das principais causas para a ocorrência de acidentes durante o período chuvoso

Cidades | Em 30/03/15 às 21h19, atualizado em 30/03/15 às 21h15 | Por Halan Azevedo
Reprodução/Instagram/jptransito
Vias ficaram alagadas com chuvas
As chuvas registradas na Grande João Pessoa podem provocar quedas de árvores, deslizamentos e principalmente acidentes de trânsito. A atenção dos motoristas deve ser redobrada, principalmente por conta da previsão do tempo que indica mais ocorrência na Capital nas próximas horas.



Mesmo com as chuvas do fim de semana, de acordo com o coordenador da Defesa Civil de João Pessoa, Noé Estrela, nenhuma ocorrência de deslizamento ou alagamento foi listada na Capital. No entanto, no trânsito, apenas nesta segunda-feira (30), seis acidentes foram registrados e podem ter sido facilitados por falta de atenção dos condutores em pista molhada.

Segundo o coordenador de comunicação da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Éder Rommel, a desatenção dos condutores em respeitar as condições da pista é uma das principais causas para a ocorrência de acidentes durante o período chuvoso.

“O motorista deve ter atenção na condução do automóvel, mas quando chove essa atenção deve ser redobrada. Pista molhada, pouca distância entre veículos, velocidade excessiva e pneus carecas fazem com que o número de acidentes aumente durante o período. Ao contrário do que muitos pensam a culpa dos acidentes não da é da chuva, mas sim do motorista desatento”, afirmou Rommel.

Com a pista molhada e a velocidade excessiva, a aquaplanagem, que ocorre quando o pneu deixa de ter contato com o chão por conta da alta quantidade de água e de velocidade em excesso, pode fazer com que o condutor perca o controle. 

“Os carros não conseguem frear e o acidente se torna inevitável. Quando se chove não se deve andar na velocidade limite das vias, mas diminuir um pouco. Se você esta em uma via que vá até 100km/h o condutor deve andar a 80 km/h. Isso garante mais controle do veículo”, disse o PRF.

Ele citou que os principais procedimentos dos condutores antes de saírem de casa deve ser a avaliação dos pneus e das palhetas de limpeza do para-brisa. Cuidados durante a condução também são necessários.

“Em pista molhada tem que reduzir a velocidade, depois aumentar a distância de segurança entre o veículo que vem a frente. Pegue um ponto referencial na pista e assim que o veículo da frente passar por esse ponto conte de um a três. Se você passar antes de terminar a contagem a distância é muito curta e perigosa. Passando do ponto de referência após o fim da contagem a distancia é ideal e pode lhe ajudar a realizar um desvio de emergência caso seja necessário”, contou.

Outra dica passando por Rommel é a acionamento dos faróis em caso de chuva pesada para evitar a “camuflagem” de veículos cinza. “Condutores que tenham veículos acinzentados devem ligar os faróis para evitar a camuflagem. A chuva pesada se confunde com a cor do veículo e isso pode provocar acidentes e atropelamentos. Ligando as luzes facilita a identificação”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário