piemonte fm

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Promotor que ameaçou criança é afastado por 90 dias, pelo Conselho Nacional do MP

  meu ip


promotorO promotor de Infância Infracional de João Pessoa, Valfredo Alves Teixeira, foi afastado por 90 dias de suas funções, devido ter ameaçado bater em uma criança após discussão no Campestre Clube, na cidade de Sousa, sertão da Paraíba.
O Plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) acolheu, por maioria, nesta segunda-feira (17), a proposta do conselheiro Luiz Moreira e instaurou Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD), afastando o promotor.
O afastamento do promotor está condicionado à instauração da portaria do PAD pelo conselheiro que for designado relator, que terá o prazo de 72 horas, após o recebimento do processo, para encaminhar o documento à publicação.
Entenda o caso
De acordo com informações de populares, duas crianças com idades entre 5 e 7 anos, teriam brigado enquanto brincavam no clube. O incidente desagradou o Promotor de Justiça, Valfredo Alves Teixeira, que foi tomar satisfação com a família da criança que teria discutido com o seu filho.
Em vídeo que circula nas redes sociais, Valfredo Teixeira bate boca com Amanda Silveira, mãe da criança que teria se envolvido na discussão com o filho do promotor.
Várias pessoas que acompanhavam a confusão tentaram acalmar Valfredo Teixeira, mas estando bastante exaltado, o representante da justiça, não cedeu aos apelos e prosseguiu com as ameaças. “Se ele bater no meu filho, como ele fez, eu bato nele, bato no pai dele, bato até na raça todinha”, disparou Valfredo que ameaçou chamar a polícia para resolver o assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário