piemonte fm

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Deputados novatos se unem contra a antecipação da eleição da Mesa Diretora da ALPB: “É precipitado”


Deputados novatos se unem contra a antecipação da eleição da Mesa Diretora da ALPB: “É precipitado”
Um grupo de deputados novatos, recém eleitos, alinhou o discurso e se posicionou contrário a antecipação da eleição para o segundo biênio (2017/2018) da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa da Paraíba, proposta defendida pela bancada do Governo na Casa.

Para os deputados Bruno Cunha Lima (PSDB), Tovar Correia (PSDB) e Manoel Ludgério (PSD), que fazem oposição ao Governo, a discussão em torno do tema além de extemporânea é, acima de tudo, precipitada. Em discurso único, o grupo centrou fogo e publicou uma nota, dizendo que não era o momento para tal discussão

“Entendemos ser precipitada a antecipação da eleição”, disse Bruno.

O grupo defende que a bancada de oposição marche unida em prol do desenvolvimento da Paraíba, priorizando as soluções para os problemas do Estado, e não focados apenas em uma sucessão que deveria ocorrer daqui a dois anos.

“O instante é de ter outro foco de debate, por isso, em respeito aos problemas da Paraíba, decidimos que a discussão da nova Mesa Diretora não será prioridade nesse momento”, completou Bruno.

Outros novatos que também seguem o entendimento de Bruno e Tovar são os deputados recém eleitos Dinaldinho e Camila Toscano, ambos tucanos. Em entrevistas à imprensa, a jovem futura parlamentar já antecipou que não assinou a lista dos que apóiam a eleição de Galdino e a antecipação da eleição pró Gervásio e que tampouco passou por sua cabeça assinar.

Já o deputado eleito Dinaldinho admitiu sondagnes por parte do bloco governista, porém todas as suas declarações apontam para a permanência na bancada de oposição.

Dinaldinho defende uma Assembleia independente do Palácio da Redenção.

Apesar da rejeição dos novatos, a proposta de alternância de poder, que deve alçar Adriano Galdino (PSB) como presidente da Casa no primeiro biênio da próxima legislatura e também antecipar a eleição para o segundo biênio, com o deputado estadual Gervásio Maia (PMDB) como sucessor já conta com o apoio de 21 parlamentares. 


VEJA A LISTA DOS QUE APOIAM A ALTERNÃNCIA DE PODER COM A ANTECIPAÇÃO DA ELEIÇÃO DO 2º BIÊNIO

1 – Adriano Galdino (PSB)

2 – Estela Bezerra (PSB)

3 – Buba Germano (PSB)

4 – Jeová Campos (PSB)

5 – Ricardo Barbosa (PSB)

6 – Gervásio Maia Filho (PMDB)

7 – Nabor Wanderley (PMDB)

8 – Tião Gomes (PSL)

9 – João Bosco (PSL)

10 – Zé Paulo (PC do B)

11 – Lindolfo Pires (DEM)

12 – Inácio Falcão (PT DO B)

13 – João Gonçalves (PSD)

14 – Doda de Tião (PTB)

15 – Edmilson Soares (PEN)

16 – Branco Mendes (PEN)

17 – João Henrique (DEM)

18 – Genival Matias (PT DO B)

19 – Jutaí Menezes (PRB)

20 – Galego de Sousa (PP)

21 - Anísio Maia (PT)  




Márcia Dias, com informações de Henrique Lima

PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário