piemonte fm

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

A chuva está chegando

Postado por Tião Lucena, 20 de Novembro de 2014 às 14:46


A rede armada no terraço da Pousada dos Poemas convidava para um cochilo de boca de noite, mas a chuvinha fina teimava em molhar a rede e o corpo cansado do hóspede. Este não achava ruim aquilo, muito pelo contrário, sorria de orelha a orelha ao ver as nuvens escuras enchendo os céus do cariri e anunciando chuva, coisa que não chegava por aquelas bandas já fazia um tempinho.
Em Monteiro a chuva foi fininha, apenas um barrufo daqueles que quebram o calor e tiram da terra aquele cheirinho gostoso de chão molhado. Mas na região a coisa foi grande. Mais de 100 milímetros em São João do Cariri, outros oitenta e tantos pras bandas de Gurjão, um açude, que estava seco, encheu tanto que se aproximou do sangradouro, até cantar de sapo alguém escutou no riacho que atravessa o restaurante da cabrita de Seu Clóvis.
Pode até não ser inverno garantido ainda, mas é um bom começo. No sertão nordestino o inverno começa com as trovoadas de dezembro. Elas chegaram em meados de novembro, o que demonstra uma certa pressa em São Pedro para compensar esses anos todos sem água, sem nuvens e de sol abrasador.
Notícias vindas do sertão de Cajazeiras dão conta de fortes chuvas por aquelas bandas. O poeta Rena Bezerra divulgou foto de enxurrada em São José de Princesa. Sabrina Barbosa, a repórter de Princesa, também noticia chuva na nossa terrinha. O Vale do Piancó igualmente beneficiou-se e Patos recebeu mais de 80 milímetros de água somente ontem.
Conforme o pesquisador de causas naturais Benedito Chibata, vai haver inverno em 2015. Ele pesquisou as estrelas, espiou a casa do João de Barro mas o que lhe chamou mais a atenção e o encheu de convencimento foram os cunhões do jegue preto de Antonio de Hosana. Explica-se:
Quando o jumento, principalmente aquele de lote especializado em montar em éguas de grande porte dá pra suar os ovos, pode contar que vem inverno bom pela frente. E o jegue de Antonio de Hosana tem fama de bom adivinhão. Esta semana alguém viu os dois enormes ovos do famoso jegue pingando de suor, a rabichola suada e as partes internas molhadas . Quando isso acontece, pode ajeitar a terra que vem água de montão.
Pelas chuvas de ontem, com promessas de continuidade nos dias que seguem, é bem capaz do jumento estar certo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário