sexta-feira, 5 de setembro de 2014

FARPAS NO BREJO: deputado faz desafio e critica atuação de colega na Assembleia Legislativa: “Nos últimos quatro anos trabalhei por dois!”


FARPAS NO BREJO: deputado faz desafio e critica atuação de colega na Assembleia Legislativa: “Nos últimos quatro anos trabalhei por dois!”
A briga política entre os deputados de Guarabira no Brejo paraibano, Raniery Paulino (PMDB) e Léa Toscano (PSB) ganhou um novo episodio. Em entrevista exclusiva ao PB Agora  nesta quinta (04), o filho do ex-governador Roberto Paulino (PMDB) criticou a atuação de Léa na Casa de Epitácio Pessoa e disse que é necessário trabalhar “dobrado” em face da inoperância da colega.


Agindo com ironia e dizendo que enfrenta um grupo político que é forte e que tem muita “verba”, Paulino alfinetou:


“Agora nos últimos quatro anos trabalhei por dois, pois a deputada Léa (Toscano) tem um trabalho que...não é atuação, então eu tive fazer um trabalho por dois”,ironizou Paulino, numa clara desqualificação da atuação parlaementar da esposa do prefeito de Guarabora Zenóbio Toscano (PSDB).


Ao ser questionado sobre os motivos que o levaram a tal conclusão, Raniery continuou a desabafar; “É um mandato que não existe, não tem nenhuma contribuição para a Paraíba, então eu tive que trabalhar por mim e por ele exatamente para ocupar essa lacuna”, alfinetou.


Raniery Paulino não perdeu a oportunidade de alfinetar a filha de Léa a jovem Camila Toscano (PSDB) que concorre a uma cadeira nas eleições de outubro:


“Não torço pela derrota de ninguém, mas espero que a filha não repita os equívocos que aconteceram nos últimos quatro anos se espelhando no mandato da mãe!”, profetizou.


Quando indagado se Léa deixaria saudades na Assembléia, Raniery destilou o seu veneno: “ Tenho sugerido a deputada Léa que ela faça um discurso pelo menos no mês para justificar o salário pelo menos isso, já que não tem projetos e propostas em defesa da Paraíba”, sugeriu.


A reportagem do PB Agora entrou em contato com a deputada Léa Toscano e o seu celular estava desligado.


Henrique Lima 

PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário