piemonte fm

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

CONFRONTO: Cássio e Ricardo voltam a se engalfinhar sobre capacidade de diálogo com o servidor púbico


CONFRONTO: Cássio e Ricardo voltam a se engalfinhar sobre capacidade de diálogo com o servidor púbico
O governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição pela coligação A Força do Trabalho, e o candidato Cássio Cunha Lima (PSDB) da Coligação A Vontade do Povo, voltaram a trocar farpas e mais uma vez o tema foi a capacidade de diálogo com o servidor público paraibano.  


O socialista emitiu opinião, quando questionado sobre a relação com o servidor público, se classificando como “o governador no Brasil que mais dialogou com o povo”, alfinetando diretamente seu adversário tucano:  


“Dialoguei com 140 mil pessoas e recebi todas as entidades, desde que, elas naturalmente não quisessem fazer disputas”, explicou. Ricardo também disse que nasceu dentro dos movimentos populares e sempre teve a mesa de negociações como prioridade tanto a frente da Prefeitura de João Pessoa quanto do Governo do Estado.  


“Eu fui sindicalista e posso afirmar, tenho uma visão mais ampla. É preciso olhar para muitas coisas” salientou o governador. Sentimento discordado pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB) que disse definiu Ricardo como possuidor de uma postura autoritária.


“No estilo fechado, pouco apto ao diálogo, eu estive pessoalmente com o governador não mais do que oito vezes. É o estilo de Ricardo, ele tem uma incapacidade enorme de ouvir, de acolher sugestões, tem uma postura autoritária”, discordou. Cássio profetizou ao dizer que com o seu adversário a Paraíba não irá evoluir.


"Eu só fiz ajudar e aquilo que eu via como errado criticava internamente. Com essa postura dele a Paraíba não vai crescer. Não é no ambiente de briga, de discórdia, desarmonia e desprezo aos valores da dignidade humana que esse Estado se fará melhor" , arrematou Cássio.  


PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário