RADIO PIEMONTE FM

piemonte fm

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Dirigente socialista põe em xeque atuação de Cássio em JP e tenta jogá-lo contra maior colégio eleitoral da Paraíba


Dirigente socialista põe em xeque atuação de Cássio em JP e tenta jogá-lo contra maior colégio eleitoral da Paraíba
Prevendo que o governador Ricardo Coutinho (PSB) terá um desempenho eleitoral satisfatório no maior colégio eleitoral da Paraíba, que é João Pessoa, a Capital do Estado, o presidente do PSB no município, Ronaldo Barbosa partiu para o confronto com Cássio Cunha Lima (PSDB), que também disputa o Governo do Estado, e fez uma análise crítica sobre a atuação do tucano nos sete anos que ficou a frente do executivo.

Conforme Barbosa, no período que o tucano administrou o Estado, João Pessoa foi abandonada.

“Cássio não fez nenhuma obra estruturante, governou por sete anos e virou as costas para a nossa cidade”, detonou.

João Pessoa tem o maior colégio eleitoral do Estado, abarcando sozinha mais de 400 mil sufrágios, que fazem a diferença em qualquer pleito eleitoral. O candidato do PSB, Ricardo Coutinho saiu vitorioso nas eleições de 2004 e 2008. O socialista também foi o mais votado para o Governo do Estado nas eleições de 2010.

Nesse final de semana, Ricardo também endureceu o tom do discurso contra o tucano e tentou colocá-lo contra os campinenses. De forma indireta, Ricardo disse que Cássio não tem respeito com o povo de Campina Grande e almeja o poder apenas por ambição.


“Meu adversário não teve o menor respeito com a população campinense, nem com odinheiro público, que na época em que ele governou a Paraíba não dava para nada, a não ser para atender a um pequeno grupo”, disse Coutinho numa referência ao senador Cássio.


PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário