piemonte fm

sábado, 7 de junho de 2014

Forró tradicional abre São João de Campina

Nelsina Vitorino
Primeiro a subir no palco foi Biliu de Campina, seguido pelo cantor Jairo Madruga
Forró sem parar e muita alegria. Se depender do entusiasmo do grande público que compareceu ao Parque do Povo, será esse o tom da edição 2014 d'O Maior São João do Mundo, aberta oficialmente na noite de ontem. O primeiro a subir no palco foi Biliu de Campina, seguido pelo cantor Jairo Madruga, que pela 31ª vez se apresentou no primeiro dia da festa. Segundo a organização do evento, cerca de 100 mil pessoas participaram da festa.
Ansiosos para a abertura, muitos forrozeiros chegaram cedo ao Parque do Povo. Antes mesmo do início da programação do palco principal, muita gente já aproveitava para matar a saudade de dançar ao som dos trios de forró, que animam o público nas ilhas durante os 30 dias de São João de Campina.
Casados há 30 anos, os campinenses Eliane Mendonça e Plínio de Azevedo relataram que esse é apenas o primeiro dos muitos dias que pretendem vir a festa. “Nordestino que não tem as tradições do forró no sangue não é nordestino. Além de fazer bem para a alma, a dança faz bem ao corpo. Com certeza, vamos aproveitar bastante o forró pé de serra das ilhas todos os fins de semana”, afirmou ele.
Forrozeira assumida, a cuidadora de idosos Maria de Fátima da Silva trocou o turno de trabalho só para conseguir assistir a abertura do evento. Ela elogiou a decoração do Parque do Povo, este ano ornamentado em tons de verde, amarelo e azul, em homenagem à Copa do Mundo que se aproxima.
Além da parceria de sucesso que promete ser a união da festa junina com o mundial de futebol, atraindo mais turistas para a cidade, o São João deste ano também homenageia os cantores Capilé, Genival Lacerda e Marinês, que dão nome a diferentes espaços do Parque do Povo. Ao longo dos trinta dias de festa diversas atrações locais e nacionais devem se apresentar no Parque do Povo, dentre elas Flávio José, Elba Ramalho, 3 do Nordeste, Fagner, Zé Ramalho e Lucy Alves, sem falar nos 228 trios de forró que passarão pelas palhoças até o dia 6 de julho.
SÍTIO SÃO JOÃO
Peça tradicional do “Maior São João do Mundo” de Campina Grande, o Sítio São João foi aberto ao público ontem à noite.
Este ano, a área que reproduz uma propriedade rural do século passado, com itens que remontam o período colonial, tem 20 mil metros quadrados, estacionamento com 500 vagas e 23 réplicas cenográficas, sete a mais do que em 2013. O espaço ficará aberto até o dia 13 de julho. Cerca de 300 mil pessoas devem visitar o local. Para a montagem de 2014, foram investidos R$200 mil.
Ontem, o sítio foi aberto às 18h, mas a partir de hoje, o público terá acesso permitido a partir das 10h. A entrada custará R$ 5. Idosos, crianças até 10 anos e pessoas assistidas por entidades filantrópicas não pagarão ingresso. Já os estudantes que apresentaram a carteira pagarão R$3. Câmeras de monitoramento e detectores de metais foram instalados para garantir a segurança do espaço, que terá 10 vigilantes atuando por turno.

Outra mudança é a localização. Antes erguido na avenida Manoel Tavares, em 2014 (até 2016) o sítio está montado na rua Luísa Bezerra Mota, esquina com a avenida Canal, no bairro Catolé. Entre as novidades cenográficas estão uma nova capela, com 80 lugares, quatro pontos de alimentação com comidas regionais, três engenhos e uma réplica do Mercado Velho do 

Nenhum comentário:

Postar um comentário