RADIO PIEMONTE FM

piemonte fm

sexta-feira, 21 de março de 2014

Família de foragido por assassinato o reconhece em vídeo divulgado na TV Correio

Éverson dos Santos Bernardo, 25 anos, se apresentou junto com a advogado e confessou o crime
Polícia | Em 21/03/14 às 09h46, atualizado em 21/03/14 às 10h37 | Por Redação
Reprodução/Renato Diniz
O acusado se entregou espontaneamente a polícia
Um dos acusados de assassinar um pedreiro em posto de gasolina, no município de Campina Grande, se entregou na tarde dessa quinta-feira (20) a polícia. De acordo com o delegado, Antônio Lopes, a vitima se apresentou espontaneamente após familiares a reconheceram nas imagens divulgadas na imprensa.
Éverson dos Santos Bernardo, 25 anos, se apresentou junto com a advogado e confessou o crime. Segundo a polícia, ele disse que matou o pedreiro, após uma confusão envolvendo seu irmão. A chave da motocicleta do irmão havia desaparecido. Ele prestou depoimento e foi liberado, porque não tinha flagrante e nem passagem pela polícia. Mas o delegado disse que pedirá a prisão preventiva dele.
Após as imagens divulgadas na imprensa, a polícia conseguiu identificar todos os envolvidos no crime. Além de Éverson, outros dois foram identificados, seu irmão Euderson dos Santos e um jovem conhecido como Álisson "Gago".
O crime 
O homicídio aconteceu no sábado (15), no município de Campina Grande. A vítima foi Jailson Barbosa da Silva, de 29 anos.
O rapaz foi assassinado com golpes de facas e chave de roda, que atingiram o tórax e abdômen dele. Ele ainda foi socorrido, mas morreu. A morte aconteceu após uma discussão em um posto de gasolina. Na ocasião, eles ingeriram bastante bebida alcoólica.
As imagens do crime foram veiculadas no programa Cidade Alerta Paraíba, Tv Correio/ Record HD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário